O Fundo Nacional sobre Mudanças do Clima – Fundo Clima –, vinculado ao Ministério
do Meio Ambiente, torna público a presente CHAMADA PÚBLICA PARA
APRESENTAÇÃO DE PROJETOS para entidades da sociedade civil e para órgãos das
três esferas de governo, para apoio institucional técnico-financeiro a projetos com foco
na temática de mitigação da mudança do clima e de adaptação à mudança do clima e
seus efeitos. O edital na integra esta disponível aqui

O Instituto de Oceanografia adiou seu seminário interno de avaliação e planejamento. Os 2 eventos,  programados para 3 e 5 de agosto e para 16 e 19 de agosto 2011 serão realizados em data futura.

A Elsevier disponibiliza a lista de seus periódicos na área de Ciências Aquáticas e seus fatores de impacto. A lista completa esta em:

http://mail.elsevier-alerts.com/go.asp?/bESJ001/mDGMCM3F/uEM3GV35/xIXDVM3F

Artigo publicado por Fernando Cesar Perina, Mestre formado pelo Programa de Pós-Graduação em Oceanografia Física, Química e Geológica da FURG.

O artigo trata da avaliação ecotoxicológica comparativa entre compostos presentes nas tintas anti-incrustantes de segunda (TBT e TPT) e de terceira geração (Irgarol e Diuron) utilizadas em embarcações que navegam por águas marinhas.

Link para o artigo: DOI 10.1007/s10646-011-0725-y

O Globo Mar esteve em um trecho do Brasil que pouca gente conhece. Ele é tão longe da costa que só dá para chegar por barco, atravessando e águas internacionais: as ilhas de Trindade e Martim Vaz. Abastecido por fragatas da Marinha a cada dois meses, o local é completamente desabitado, um desafio total para quem tem que chegar lá. Depois de sair da costa do Rio de Janeiro, a fragata Greenhalgh ganha a companhia de um helicóptero, que não fica no navio quando este está atracado por uma questão operacional. No Projeto MOVAR (MOnitoramento da VARiabilidade do transporte de calor oceânico entre o Rio de Janeiro e a Ilha Trindade) desenvolvido pelo Prof. Maurício Mata. Participaram do programa o MSc. Oc Mathias "Tremembé" van Caspel e a Acad. Oc. Natália Ribeiro do Laboratório de Estudos dos Oceanos e Clima (LEOC).  Re-veja o programa em:

http://g1.globo.com/platb/globomar/category/episodio-da-temporada-2011/

 

O primeiro "World Ocean Review" é um relatório completo, detalhado e exclusivo sobre o estado dos oceanos do mundo e sua interação com as condições ecológicas, econômicas e sociopolíticas. Seu objetivo é aumentar a consciência pública sobre a natureza interligada dos diversos aspectos do ambiente marinho e, assim, aumentar a conservação marinha.

Segundo os autores, o WOR terá atualizações periódicas no futuro. Há versões em inglês e alemão, você pode fazer o download aqui <http://worldoceanreview.com/wp-content/downloads/WOR_english.pdf> .

Há ainda a opção de pedir gratuitamente exemplares do livro <http://worldoceanreview.com/en/order/> , bastanto enviar um formulário com o pedido.

Matéria retirada do site www.oceanografiabrasil.com
<http://www.oceanografiabrasil.com/livros/livro-world-ocean-review>

Os professores Paulo Cesar Abreu (IO-FURG), Marcelo Montes D'Oca (EQA-FURG e Edinei Primel (EQA-FURG) tiveram aprovada uma patente no "United States Patent and Trademark Office" relativo ao uso de microalgas para depuração de poluentes em água de produção de petróleo. A pesquisa que gerou este processo foi desenvolvida na FURG em parceria com a UFSC para o Centro de Pesquisas (CENPES) da PETROBRAS. Este mesmo processo já foi patenteado no Brasil em 2008 e na Comunidade Européia em 2009).

patente

O novo portal da sub-rede Zonas Costeiras do Instituto Nacional de Ciencias e Tecnologia Mudanças Climáticas (INCT-MC) e Rede Clima esta no ar. O portal divulga noticias sobre mudanças climáticas e zonas costeiras do Brasil e do mundo. Visite http://www.mudancasclimaticas.zonascosteiras.furg.br/

O Censo da Vida Marinha (CoML, em inglês) foi um esforço multi-nacional que durou uma década e tinha como objetivo avaliar e explicar a vida nos oceanos. Pesquisadores de mais de 80 países coletaram e compartilharam grande volume de dados e análises. A partir destes levantamentos, um time de 24 pesquisadores desenvolveu um modelo estatístico que preve a biomassa de organismos bentônicos com dados coletados em 175 estudos diferentes. O link abaixo apresenta mais informações sobre esta iniciativa, e o resultado deste modelo que mostra um mapa global da biomassa bentônica prevista para o fundo marinho.

Fonte:National Oceanic and Atmospheric Administration (NOAA)

Qualis é o conjunto de procedimentos utilizados pela Capes para estratificação da qualidade da produção intelectual dos programas de pós-graduação. A classificação de periódicos é realizada pelas áreas de avaliação e passa por processo anual de atualização. Esses veículos são enquadrados em estratos indicativos da qualidade - A1, o mais elevado; A2; B1; B2; B3; B4; B5; C - com peso zero.

A classificação Qualis dos periódicos podem ser obtidas para as áreas em que o IO-FURG tem Programas de Pós-graduação: Ciências Biológicas I; Geociências ; e, Zootecnia/Recursos Pesqueiros.